Cine Glória - Cinema Cine Glória
O Cinema em São João del-Rei

O cinema, assim como a arquitetura colonial, faz parte da história e da cultura de São João del-Rei. De acordo com Antonio Gaio Sobrinho, o cinema chegou à cidade bem no início do século XX. “Em São João del-Rei, as experiências começaram, ao que parece, em 3 de dezembro de 1905, quando e a partir de então, as notícias se amiúdam nas páginas do prestigioso ‘O Repórter’, jornal dirigido por J. Assis Viegas e J. Assis Sobrinho. Sucedem-se informações sobre empresas, que por aqui excursionaram, trazendo seus aparelhos de projeções, tais como: Braga & Cia., em 1905; Antônio de Sousa Machado, com seu cinematógrafo falante em 1906; Araújo Silva & Cia., em 1906, reaparecendo em 28 de novembro de 1907, quando estréia, no Teatro Municipal, seu moderno cinematógrafo Pathé Fréres. Lembraríamos também, a empresa de Cinematógrafo Circo Pathé, de Carlos Leal & Cia, que esteve na cidade em 1910; a Empresa Spinelli, secretariada por José Pinto da Silva, em 1912”.

A exibição itinerante de películas era intensa na cidade, fato que, segundo Antonio Gaio, incentivou a inauguração de salas de exibição fixas. “As iniciativas locais apareceram a partir de 3 de junho de 1906, com a Empresa Tiradentes, associada de André Bello, e que, em 12 de setembro de 1907, inaugura as exibições no Teatro Municipal. Em meados de 1908, é a vez de o mesmo André Bello e o Tenente Cristino Pereira da Silva, com o Cinematógrafo Ítalo-Brasileiro, aparecerem associados à Empresa Faleiro & Cia., concessionária do Teatro Municipal”.

De acordo com Gaio, em 1909 existiam dois cinemas na cidade: O CINEMA COMÉRCIO, na Rua Moreira César (atual Rua Arthur Bernardes) e o KINEMA CLUB, localizado na Rua Marechal Bittencourt (atual Rua Marechal Deodoro). Em 1911, foi inaugurado o CINEMA AVENIDA, de propriedade dos senhores Eugênio de Castro e Ezequiel Coelho dos Santos, situado onde atualmente encontra-se a agência do Banco Itaú. No dia 16 de junho de 1928, a firma J. Faleiro & Cia., abriu mais uma sala de cinema na cidade, conhecida como CINE CAPITÓLIO, na Avenida Rui Barbosa (atual Avenida Presidente Tancredo Neves). O Cine Capitólio inaugurou o cinema falado em São João del-Rei no dia 25 de setembro de 1930, com o filme “Rapaz de sorte”.

O Teatro Municipal também serviu de espaço para a exibição de filmes, até a década de 1960, quando voltou a ser espaço exclusivamente teatral. O local foi arrendado para exibição de filmes por diversas empresas, como Castanheira & Machado (1922-1930); André Bello (1930-1940); F.Cupello & Cia. (1940-1961).




2014 Cine Glória